.+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+.

Os imortais vivem entre nós, poesias lindas e feitas de brisa do amanhecer!

Quero fazer um convite, quero conhecer vossos gostos!

Vou postar poesias dos imortais que cada um me mandar, aquela que te faz vibrar, manda-me por email, face, blog, msn, qualquer maneira!

kiromenezes@hotmail.com

Manda-me sua poesia Imortal!

'+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+..+*♥*+'

•○•.._____________..•○•

Soneto de Fidelidade (Vinicius de Moraes)

domingo, 6 de março de 2011




Soneto de Fidelidade

Vinicius de Moraes







De tudo ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim, quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.




9 Encantamentos::

soniaconsult disse...

Do meu tempo de escola, é este poema que ainda guardo na memória.
Bom feriado miga

Sobre o Tempo disse...

"Que não seja imortal...
...que seja infinito enquanto dure."
Outro clássico! Ótimo poema! Bjs!

Jorge disse...

Adoro a sensibilidade do Vinicius. Seus poemas vem repleto de emoção, e ninguém "cantou" melhor a mulher como ele.

Um doce beijo, Coração!

Francisco Coimbra disse...

PROMETO A FIDELIDADE

do que disser fique o que escrevo
sendo eu escravo do meu sentir
perante o qual sinto ser um dever
voltar à Poesia nu poema a pedir

às sensações feitas pura emoção
meu sentimento onde só prometo
acompanhar completa evocação
do que sem emenda será soneto

levado às palavras canto do fado
onde me intrigo com sua picardia
a me tornar mudo sabendo dado

a fabricar para mim uma fantasia
onde dum círculo faria quadrado
se fosse melhor forma na poesia!
07.03.2011
ás primeiras horas, beijos

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


COMPARTIENDO ILUSION
KIRO

CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...




ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CHAPLIN MONOCULO NOMBRE DE LA ROSA, ALBATROS GLADIATOR, ACEBO CUMBRES BORRASCOSAS, ENEMIGO A LAS PUERTAS, CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER ,CHOCOLATE Y CREPUSCULO 1 Y2.

José
Ramón...

Bloguinho da Zizi disse...

Vinícius
único

Lena disse...

Imbatível, Vinicius. Gênio da poesia. Inesquecível sua obra. Bjs.

Ivete disse...

Há Vinícios, quanta magia, quanto saber... um manjar para a alma.
Eternamnte!
Amei o Posto e tudo em seu BLOG.
Ofereço meu Singelo SELO de Aprovação.
Com carinho
Ivete
http://aprendacomanet.blogspot.com/

Lena disse...

Kiro,
Vinicius, sempre Vinicius! Extremamente belo o soneto!
Bjs. minha linda!